Aécio Neves 2014: novo ministério na estratégia de Dilma

É o cúmulo da cara de pau. Criar ministério para usar como moeda de troca com partido político! Realmente a política feita hoje no Brasil é uma piada! Mudança já!

Fonte: Queremos Aécio PresidenteAécio Neves 2014: novo ministério na estratégia de Dilma
Aécio Neves: eleições 2014

Aécio Neves 2014: Para tentar minar a candidatura do senador, PT pode pagar apoio eleitoral em MG até com criação de ministério.

Aécio Neves: eleições 2014

Sentindo o fortalecimento do nome de Aécio Neves para 2014, a direção do PT e a presidente Dilma Rousseff, virtual candidata à reeleição, não pretendem abrir mão de nenhuma prerrogativa no intuito de evitar a debandada de apoios partidários para o ninho tucano. Mesmo que isso passe pela imoralidade da partidarização da máquina pública.

Em Minas Gerais, segundo colégio eleitoral do país e onde Aécio é reverenciado como um dos mais importantes representantes da escola da política mineira, o PT deve mover montanhas para conseguir manter os poucos partidos que ainda se encontram divididos – para 2014 – entre Aécio Neves e Dilma Rousseff.

É o caso do recém-criado PSD, que faz parte da base de apoio do governador Antonio Anastasia (PSDB), inclusive com dois secretários de Estado: Alexandre Silveira (Gestão Metropolitana) e Cássio Soares (Desenvolvimento Social).

O PT sabe que a base do PSD em Minas Gerais não abrirá mão de apoiar Aécio Neves em 2014. Essa é uma realidade de muitos outros partidos que no cenário nacional fazem parte da base de apoio do Governo Dilma, como o PSB, o PDT, o PP, o PTB, entre outros.

Em reportagem desta quinta-feira (24/01), o jornal Hoje em Dia mostra que já existe uma movimentação interna no PT e no governo federal para segurar o PSD na marra, mesmo que isso passe pela imoralidade da distribuição de cargos públicos. Cogita-se até (pasmem!) a criação do Ministério de Minas para ser entregue a um dirigente do partido em troca do apoio à reeleição de Dilma.

LEIA A REPORTAGEM “DILMA PODE CRIAR MINISTÉRIO DE MINAS PARA O PSD MINEIRO

A utilização sem nenhum pudor de “armas” como cargos e recursos públicos para rifar apoio a Dilma Rousseff parece ser mais uma tática do PT para minar o nome de Aécio Neves em 2014.

Anúncios
Esse post foi publicado em Política Brasil e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s